Corsa


Boa noite!

Lançado em 1994 aqui no Brasil, o Corsa veio como sucessor do Chevette. Foi um grande sucesso, pois em apenas dois anos de produção liderava o mercado.

Na época foi uma inovação, pois apresentava um projeto com linhas arredondadas e melhores condições de segurança e mecânica, quando comparado com os seus concorrentes. O Corsa Wind 1.0, por exemplo. foi o primeiro carro popular com injeção eletrônica de combustível.

Os concorrentes viram que seus carros tornaram-se ultrapassados em poucos meses, porque a GM trouxe a segunda geração mundial do Corsa para o Brasil (Corsa B), no ano de seu lançamento aqui no Brasil, os carros populares (concorrentes diretos do Corsa) tinham a forma quadrada (que até então era um padrão nacional), Gol Quadrado, Uno e o Escort já não tinham trunfos o suficiente para alavancar as vendas.

A primeira geração do Corsa nacional logo deu origem a uma família: Corsa Pick-up (1995), Sedan (1995) e Wagon (1997).

Em 2002, recebeu a primeira reestilização, que novamente deu origem a uma família de modelos: a Meriva, o Sedan e a Montana.

O Corsa Sedan da primeira geração continuou sendo produzido com motor 1.0, mas teve nome alterado para Classic.

O Corsa teve uma grande variação de motores, vou listar abaixo todos os motores que estiveram presente no Corsa B (Fonte: CorsaClube)

1.6 MPFI (1996-2003) – (GL/ST/Sport – Pickup)
Potência: 92 cv a 5200 rpm
Torque: 13,0 kgfm a 2600 rpm

1.6 MPFI (1996-2005) – (GL/Classic – Hatch/Sedan/Wagon)
Potência: 92 cv a 5600 rpm
Torque: 13 kgfm a 2800 rpm

1.6 16v SFI V4 (1995-1997) – (GSi – Hatch)
Potência: 109 cv a 6200 rpm
Torque: 14,8 kgfm a 4000 rpm

1.6 16v MPFI (1996-2005) – (GL/GLS – Sedan/Wagon)
Potência: 102 cv a 6000 rpm
Torque: 14,8 kgfm a 4000 rpm

1.0 VHC (2003-2006) – (Super)
Potência: 70 cv a 6400 rpm
Torque: 8,8 kgfm a 3200 rpm

1.0 VHC Flexpower (2006-2009) – (Joy/Life/Super)
Potência: 72 cv a 6400 rpm
Torque: 9 kgfm a 3000 rpm

1.0 VHC-E (2009- ) – (Joy/Life/Super/LS – Sedan)
Potência: 78 cv a 6400 rpm
Torque: 9,7 kgfm a 5200 rpm

1.6 MPFI Automático (2003-2005)
Potência: 92 cv a 5600 rpm
Torque: 13 kgfm a 2.800 rpm

Infelizmente não tivemos  (ainda) o Ecotec no Corsa….

6 thoughts on “Corsa

  1. Meio Treze disse:

    Olá! Amigos
    Quero tirar umas duvidas ???????

    pretendo color um motor de Astra 2.0- Zafira – Meriva enfim

    Tenho um corsa 1.6 mpfi más já estou de saco cheio, quero aumentar a potencia do motor
    colocando um motor 1.8 ou principalmente se for 2.0 de algum modelo GM
    se alguém souber me indica algo melhor ” Dispenso turbo OK” então por favor quem poderia me indica algo deste tipo? aguardo com urgência, meu motor não aguentou abrio o bico, Eu gosto de da umas pisadinhas, não é para competi ok é gosto mesmo.
    meu e-mail ricardomacedo68@hotmail.com Nextel ID 7*242834 estou aguardando dêns de já pessoal um forte abraço a todos.

    • Colega, também tenho um Corsa 1.6 – 8v (modelo Classic) o carro realmente depois de alguns anos de uso não possui o mesma força dos carros novos lançados pela Chevrolet, falo com bastante convicção de que se você busca velocidade e boa arrancada o melhor motor que temos hoje no mercado e totalmente compatível com o Corsa é o 1.4 Econoflex (alugue um Prisma e faça o teste).

      Os demais motores da linha Chevrolet 1.8 e 2.0 possuem excelentes níveis de torque porém o custo x benefício do motor não compensa, quando comparados ao motor 1.4
      Existem poucos casos de mudança de motor do Corsa 1.6 realizando um downsizing para 1.4 ou upgrade para 1.8 ou 2.0, normalmente o 1.6 é bem elogiado devido a boa performance e bom nível de consumo.

      Você já encontrou algum motor 1.8 ou 2.0 para venda e adaptação?

      Abraços

    • Anderson, boa noite. Obrigado pela participação.
      Em partes é possível realizar a adaptação, porém precisa ser feita por um bom instalador, não sei ao certo os componentes que precisam ser substituídos, mas Ar condicionado quando instalado fora é complicado por 2 fatores:
      1) Existe diferença do kit para carros com Direção Hidráulica e Motorização.
      Logo o ar condicionado original de 1.0 não é recomendável em um carro 1.6 e algumas pessoas dizem que existe a diferença entre 8v e 16v também.

      2) Custo absurdo da peça e da mão de obra, quando você consegue o kit por fora, a mão de obra fica cara porque certamente será necessário adaptar algo, e quando você compra o kit da loja a mão de obra é quase de graça…. no final das contas você verá que economizou 500 reais com um risco de nunca ficar bom.

      Eu estou cotando também um kit de ar condicionado para o meu Classic 1.6 (8v), podemos ir conversando a respeito, fiz orçamentos no inverno e me arrependo de não ter instalado…. na concessionária Itororó em SP queriam me cobrar R$ 2.700 no ar condicionado completo + R$ 400,00 no ar quente, liguei na semana passada e só o ar condicionado instalado sairá por R$ 4.500.

      Lei da oferta e da procura, no verão tudo é mais caro… teto solar, vidro elétrico e ar condicionado. Minha sugestão para você é esperar o inverno, só o fato de esperar o preço poderá cair mais de 1mil reais. Eu não recomendaria utilizar um ar condicionado de um corsa gsi principalmente porque o carro foi produzido em 95 e 96 e você provavelmente estará pagando caro para ter uma peça usada de 16 anos de uso.

      Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.