Consequências – Carnaval


Kit de sobrevivência: Durepoxi, Fita Isolante e Fusível de 15a

Boa noite,

E quem achou que o corsa sairia ileso depois de quase 800km de passeio (fora os 1200km de estrada livre).

1a. consequência: Paralama escapa ficando praticamente metade balançando para fora do carro, imagine algo bizarro como a boca do Predador (1987) de boca aberta… coitado do corsa, resultado de uma péssima instalação do farol de milha da loja MICAR localizada na Av. Jabaquara, 257 (Vila Mariana), o “profissional capacitado” utilizou uma cola de péssima qualidade para fixar os paralamas dianteiros, sendo que um dos principais pontos aonde a cola deveria ter sido fixada ficou sem aderência alguma. Talvez se o meu corsa tivesse um motor V6 e fosse um modelo 2010 importado o serviço teria sido bem feito, praticamente um sábado perdido.

Resolução do problema: Parada obrigatória na cidade de Paraguaçu Paulista (467km da capital), uma dose de durepoxi e muita fita isolante para segurar até fixar bem tudo isso graças a uma boa alma de um omega modelo 93 que ao me ultrapassar a +/- 140km/h teve a boa vontade de me avisar sobre a peça balançando feito um pedaço de borracha (imagina se a peça escapa???)

2a. consequência: Logo de manhã (por volta das 06:40 da manhã, o maldito fusível do farol de milha veio a falência, ligado na ignição do carro adivinha o que aconteceu?

Resolução: Liguei para o “333Porto”, até descobrir que era o fusível… que dor de cabeça logo depois do carnaval chegar atrasado e com a desculpa de fusível de R$2,00. O socorrista da porto era um profissional competente, tipo macGyver porque ele tinha apenas um pedaço de fio e uma lâmpada de testes e claro o inseparável carregador de bateria da Bosh.

3a. consequência: Tem barro no carro até o teto, amortecedores novos (Cofap) logo provaram ser eficientes em terreno irregular, a sujeita tomou conta do carro, São Paulo não para de chover, amanhã ao menos uma ducha o corsa terá que tomar para não estragar a pintura.

Enquanto isso na estrada…

Tive alguns momentos de muita curtição na estrada… alguém já viu um corsa VHC 1.0 (79cv) pedir estrada para outro corsa 1.6 (102cv) ? Humanamente impossível (com motor original), então já viu a cena, deixei o Corsinha preto me ultrapassar e no pedágio (eu com o “Sem Parar” ganhei vantagem.

Como não sou desonesto deixei novamente o corsa preto me ultrapassar, porém ele com o carro cheio mal conseguia manter os 130km/h, eu sem muito esforço sumi na frente dele, sem qualquer chance de ultrapassagem e para que ele aprenda que lugar de 1.0 na estrada é na faixa da direita. O ronco do escape do Giba é imponente, deve assustar quem está na frente (imagina um carro a 120km em terceira marcha, ainda longe do limite do corte, gritando nas suas costas?) sensação única na vida de um jovem solteiro sem preocupações.

Pude comprovar que o motor 2.0 (140cv) da GM – Zafira (ultrapassado por ser o mesmo conceito “Família II” utilizado no Monza) ainda continua firme e presente na estrada, assim como o Civic 1.7 (130cv) última geração antes do New Civic pede passagem para qualquer carro a 170km/h.  A brincadeira dura enquanto a pista apresentar as seguintes condições. estiver seca, sem buracos, sem radar, sem policiamento, sem carros, motos, caminhões, pedestres, bicicletas, animal de qualquer espécie, sempre em linha reta, lugar plano, largo e com o sol a pino (difícil ter todas essas condições, somos loucos mas não somos burros).

Um forte abraço

One thought on “Consequências – Carnaval

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.